ZEQUINHA

Zequinha: história e curiosidades sobre o palhaço mais famoso de Curitiba!

O palhaço Zequinha foi desenhado pela primeira vez no final dos anos 20 do século XX, entre 1928 e 1929. Sua criação tinha um objetivo principal: aumentar as vendas de balas produzidas pelos irmãos Sobania. As crianças comprariam balas e levariam uma figurinha com um simpático palhaço. Nelas, o personagem aparecia nas mais variadas atividades, emoções e lugares: Zequinha Nervoso (n.49); Zequinha Selvagem (n.50); Zequinha no Corcovado (n.148); Zequinha No Chops (n.68); Zequinha Gangster (n.177). Bastava completar a coleção, incluindo a difícil figurinha carimbada, e elas podiam ser trocadas por brinquedos. Especula-se que Francisco Sobania, um dos irmãos donos do negócio, tenha ido para São Paulo fazer um curso de bala de goma e chocolate, e lá viu alguma coleção de figurinha que lhe deu a ideia.

Em sua versão original, Zequinha é um palhaço com ar sério. Magro, calvo, sem nariz vermelho, maquiagem branca na boca, quase sempre aparece de sapato pontudo e gravata borboleta. Não se sabe ao certo se o Zequinha foi inspirado em alguma figurinha já existente (como as do Palhaço Piolin, que acompanhavam balas em São Paulo na época da criação de Zequinha), ou em algum palhaço de circo que circulava pela região. Para Paulo Carlos Rohrbach, a primeira versão é a verdadeira.

As Balas Zequinha eram de fabricação barata, com açúcar e essência de frutas. Seu formato era quadrado e eram embaladas à mão pelas funcionárias da fábrica. Em época de aumento da produção, até os filhos da família entravam na linha de produção para ajudar a embalar. As balas saiam da fábrica em latas de 100 quilos. Conta-se que a cada lata havia apenas uma figurinha do nº 200, a figurinha difícil. Por dia, eram produzidos 1.200 quilos de balas, que depois eram vendidas 10 por 1 cruzeiro.

As figurinhas, produzidas para embrulhar as balas, não tinham álbum e nem face adesiva. Não era de interesse das crianças colá-las. Elas ficavam soltas e serviam de motivo para encontros, para trocas, para o jogo do bafo e do tique. Nos jogos e trocas 10 figurinhas comuns valiam por uma difícil.  No lugar do álbum, as próprias crianças criavam uma carteirinha especial: dois pedaços de papelão cortados sob medida e presos um ao outro por 3 tiras de pano. Dessa forma, as figurinhas ficavam guardadas sem amassar.

O novo álbum de 2021 é mais moderno, sem esquecer dos clássicos do Zequinha. São 23 páginas, que mostram o dia a dia do palhaço desde ao acordar, viajar, praticar esportes, trabalhar e muitas outras atividades. Figurinhas coloridas com legendas positivas tem o Zequinha tomando café, jogando vídeo game, economizando água, organizando a casa, tocando violão, praticando jiu jitsu, fazendo churrasco, conhecendo cidades e países e muito mais.

Ao todo são 208 imagens que relatam o dia a dia de um personagem que levou o nome da capital paranaense para vários lugares além da imaginação. Zequinha de máscara e álcool gel, Zequinha fazendo selfie e até uma figurinha rara são algumas das novidades deste quarto álbum da história deste simpático palhaço curitibano.

2 thoughts on "Zequinha: história e curiosidades sobre o palhaço mais famoso de Curitiba!"

  1. LAURO KLÜBER JUNIOR disse:

    Grande ideia de relançamento das balas Zequinha. Acompanho a estória do Zequinha desde o seu lançamento. Sou Curitibano da gema e tenho muito orgulho disto e desta ideia sensacional, que na época foi uma alavancagem para as vendas das balas e posteriormente para o recolhimento do ICMS.
    Estou presenteando meu neto com o novo álbum do Zequinha, contando-lhe a história e acompanhando o seu preenchimento.
    Parabéns Nilson Müller por nos presentear novamente com esta grande obra. Desejo sucesso total. Você merece.

    1. Zequinha disse:

      Olá Lauro! Você não imagina a enorme satisfação que é para nós ler esse seu comentário! Muito obrigado por todo carinho, realmente o Zequinha marcou de uma maneira muito positiva a vida de muita gente aqui em Curitiba, continue nos acompanhando, em breve terão muitas novidades sobre o Zequinha 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *